19/10/2012

Cello Kuei, o novo membro da família

Cello um pouco assustado, em seu primeiro dia em casa
Adoro animais de todos os tipos (quase todos, já que tenho pavor de cobras). Já tive hamster, gatos, cachorros, coelhos, peixinho beta, galinha, alguns cabritos e cabras, pois meus pais moram em uma chácara. 

Desde que mudei para nosso apartamento em Umuarama tive vontade de ter algum animalzinho. Quase adotamos um gatinho uma vez, só desistimos da ideia porque o Luiz Fernando é super alérgico a gatos e como não temos muito espaço, seria impossível uma relação saudável entre o gato e meu marido =/.

Depois de um tempo sem pensar em ter filhotes, notei que o Fernando estava olhando o site de um Canil da cidade. Super interessados nos cães, no dia seguinte ligamos lá só para saber quais eram as raças disponíveis e valores.
De início, quase caí de costas nos assustamos com o preço alto dos filhotes com pedigree, mas mesmo assim decidimos marcar uma visita só para "ver se eram bonitinhos".

Sempre tive paixão por yorkishires (desejo n° 8 da lista), queria uma fêmea e se um dia tivesse, até o nome já estava escolhido: Sally, por causa da música Don't Look Back In Anger do Oasis.

Chegando lá, havia dois yokies bebês, ambos machos, um bem miudinho e outro maiorzinho. Pronto!, fiquei encantada com os pequenos! Brinquei um pouco e olhei nos olhos do Fernando, que perguntou: 
– Quer levar?

Fiquei em choque. Como assim? Levar? Cachorro em apartamento? E o preço dele? Como cuidaremos de um filhote, já que quase não ficamos em casa? 

Aqueles olhinhos brilhavam, eles pulavam pedindo colo, o menor até que ficava quietinho, mas o maior chorava e TIVE que pegá-lo mais um pouco. Fiquei cerca de meia hora brincando e pensando se conseguiríamos cuidar de um ser tão pequeno e frágil.

Logo de início, todos perceberam minha preferência pelo maiorzinho. Fernando sugeriu que voltássemos no dia seguinte, depois de pensar mais um pouco.
Mas, e se no outro dia e aquele cãozinho lindo não estivesse mais lá?

Sem pensar muito, assinei o contrato e eu não larguei mais a bolota de pelos mais cheirosa do mundo. Só faltava um nome. Pensamos, pensamos, pensamos, e como eu queria a "Sally", o nome do meu neném ficou Cello, Cello Kuei.

3 comentários:

  1. *o*
    Vomitei vários arco-íris com teu post e com a foto! Eu também sempre amei Yorkshires, principalmente os mais pequeninhos, são umas fofuras. Adorei a escolha do nome e fiquei imaginando os fofinhos pulando pedindo colo. São ou não são os melhores amigos do homem? ^^
    Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Que coisa mais fofa *-* Seu marido é um máximo hein?! Pude até imagina cena de você lá super feliz com o cãozinho e ele tentando te fazer feliz. Cello é um nome bonitinho, me lembra apelido de Marcelo (: Eu gostava de um Marcelo quando era mais nova *-* hahahaha me senti a estúpida agora, deixa pra lá. Aproveita muito esse cãozinho lindo, ainda mais quando eles são pequenininhos, porque eles crescem rápido demais. Eu não moro em sítio não, mas na casa dos meus pais tem quintal, eu já tive os bichinhos que você teve, menos coelho e hamster (minha mãe acha que ele é um rato ¬¬') e gato (porque meu pai só gosta de cachorros e eu tb não gosto de gatos - acho eles muito metidos) Além dos que você já teve eu tive um macaquinho, e ainda tenho uma tartaruga (elas vivem muito! e minha alergia melhorou bastante depois que eu ganhei ela, não sei se você sabe, mas dizem que ela cura bronquite e asma - comigo funcionou - obra divina!). Atualmente eu tenho um cemitério de peixes betas no meu jardim, eles morrem com muita facilidade, é só o tempo de eu me apegar a eles e eles falecem :/

    ResponderExcluir
  3. Como pode uma "coisinha" desse tamaninho despertar um carinho, um amor desse jeito? Bom, em melhor companhia ele não poderia estar, já vi o quão mimado ele está sendo e sei que será muito mais...
    PS: Cello conquistando a todos *-*

    ResponderExcluir

Foto do Perfil

Luiz Fernando e Mariana, ele jornalista, ela ainda não sabe o que vai ser quando crescer, casados há 5 anos, pais de 3 yorkshires e se amam incondicionalmente. Mais?

Facebook

Instagram da Mary @maryriguetti

Instagram do Luiz @luizfernandodelgado

Publicidade